Arquivo de etiquetas: crise

Crise chega aos SIG v2

Os municípios nos EUA (na realidade os “Mayors”) compilaram uma lista de investimentos preparados para avançar caso sejam financiados pelo governo federal, com o objectivo de estimular a “Economia Real”.

Matt Ball, do blog Spatial Sustain analisou a lista e concluiu que existem projectos SIG no valor total de 31 milhões de dólares. O total de investimentos ronda os 47 biliões de dólares. A grande maioria dos projectos SIG são na área de Estradas e Segurança/Protecção Civil.

A minha reacção inicial foi de contentamento ao ver que a área geo-espacial recebeu uma atenção merecida! Mas ao reflectir melhor, se as contas apresentadas estiverem correctas, a fatia de investimento em SIG representa 0,066% do total! Ouch…

Mesmo assim, a lista de projectos SIG que o Matt mostra no seu artigo ilustra exemplos de aplicações SIG bem aliciantes: sistemas SIG para estradas (400.000$), localização de infra-estruturas construídas (750.000$), construção de um SIG regional (450.000$), sistema SIG de águas e saneamento (2.700.000$)…

Visto assim, com valores individuais, já começa a impressionar: apenas um destes projectos, mesmo o mais pequeno, financiava por alguns anos qualquer das nossas empresas nacionais.

Crise chega aos SIG?

Aparentemente, a crise económica mundial está a ter os seus efeitos nas empresas de software SIG e CAD…

Hoje a Autodesk anunciou o despedimento de 10% da sua força laboral a nível mundial, reduzindo 750 postos de trabalho, e em simultâneo irá re-estruturar a orgânica da empresa.

Por seu lado, ontém a Intergraph também anunciou despedimentos e respectiva re-estruturação… irá despedir 5% da sua força laboral, cerca de 200 postos de trabalho.

A Google, que tem vindo a eliminar vários produtos do seu vasto portfolio, cortou agora o Dodgeball, um site que liga redes sociais à localização, através dos telemóveis (apenas nos EUA). E também anunciou que irá eliminar 100 postos de trabalho… na área de recrutamento (curioso). É uma sequência lógica ao anúncio anterior de abrandamento no recrutamento.

A ESRI (EUA) não anunciou intenções de despedir colaboradores. Mas tem surgido nas notícias de forma mais original: ao promover uma iniciativa para combater a crise nos EUA por meio da criação de um SIG Nacional, que custaria  1,2 biliões de dólares aos contribuintes norte americanos. Há um pdf a circular com a assinatura de Jack Dagermond, presidente e proprietário da ESRI, e de Anne Hale Miglarese e Booz Allen Hamilton, cuja afiliação desconheço.

Esta iniciativa, claro está, tem provocado uma polémica agradável na geo-esfera. Embora a ideia de um SIG nacional me pareça sensata em termos gerais, tenho de concordar que os números são pouco realistas: um cadastro para os EUA por 200 milhões?? O “nosso” pequenino SiNErGIC tem um custo anunciado de 450 350 milhões de Euros. Alguém fez mal as contas…

Falta agora sabermos o que se passa em Portugal. Quais os resultados para 2008 que as empresas portuguesas irão apresentar? Notar-se-ão já as dificuldades, ou ficará para as contas de 2009?